Compartilhe

PERSONALIDADE DA MODA

A personalidade deste mês é uma profissional que admiramos muito e temos o prazer de conhecer de perto o seu trabalho!

Renata Abranchs é formada em Belas Artes pela UFRJ e Estilismo pelo SENAI CETIQT e acrescenta à sua formação acadêmica os 20 anos de experiência e intimidade com o varejo de moda – desde 1997, quando fundou o seu Bureau de Estilo.

Ela também está à frente do RIOetc, um site que retrata e exalta o jeito de se viver na cidade Maravilhosa e em diversos lugares do mundo, derivando assim, o “etc” de seu nome.
Suas inspirações vem desde flores e plantas, até viagens, livros, música, shows, aromas, luminárias, panos e lenços. Além disso, Renata tem uma paixão e mania por tapetes! Fizemos uma entrevista com ela para sabermos o que a trouxe para o mundo da moda e o que lhe fascina em suas pesquisas.

Quando começou seu interesse pelo universo da moda?
Em dois momentos: quando ainda era pequenina e ia passar algumas tardes das férias na confecção de beachwear que minha mãe teve. Mais adiante, quando estava na faculdade de Belas Artes e amava os projetos, mas os achava tão, mas tão morosos, que eram quase abstratos pra mim. Precisava tangibilizar todo aquele manancial de referências criativas logo. Encontrei essa possibilidade na Moda.

O que mais gosta no trabalho de ‘cool hunter’?
A melhor parte disso tudo pra mim é o simples ato de flanar pelo mundo na busca por cores, estilos, sons, formas e expressões genuínas que presenteiem a minha alma com o novo. Delícia refrescante.

Como define o estilo da “A Carioca” (livro/app)?
Bom, para ambos: Simples, otimista e verdadeiro.

Quais são as influências para a pesquisa de moda
A principal é a rua. Sou viciada nessa observação. Ao vivo ou online. Fora a rua, leio e observo também a arte contemporânea, música, cinema, livros e revistas de lifestyle, viagens, decor, ciências, urbanismo, espiritualidade, astrologia, economia, gastronomia. Tudo que me cerca me influencia, por isso prefiro imergir no belo e salutar.

O que entende da história da STA como influência no mercado?
A Sta é uma grande referência nacional no quesito inovação têxtil. Todos nós, operários da moda brasileira, acompanhamos com simpatia e admiração a história dessa família agregadora que sempre honrou com o seu compromisso de inovar com sofisticação e antecipar desejos. E como não citar a figura magnética, elegante e tão inspiradora da Costanza?
Tem uma coisa que percebo e adoro falar é que a família Pascolato – de sangue e também a estendida (colaboradores, representantes) – está para o mercado brasileiro de moda assim como a família real está para os ingleses!

Quais são as referências de fotografia de streetstyle – internacional e nacional – para o RioEtc?
O Alfaiate Lisboeta | The Sartorialist | Facehunter | Stockholm Street Style |On the Corner| Garance Doré – este último, nem tão street assim, mas inspiração sem fim.

Postado em: 25/02/2014

Veja também